fbpx

ESCOLIOSE E OUTRAS DEFORMIDADES

Deformidades na coluna precisam da atenção de um especialista

Existem padrões de curvatura da coluna vertebral considerados normais, que variam com a idade. A coluna cervical e a coluna lombar devem estar em lordose (angulação para a frente), enquanto a coluna torácica deve estar em cifose (angulação para trás). 

​Através de um exame simples, podem ser evidenciados sinais diversos de desvios ou deformidades da coluna, como ombros ou bacia com alturas diferentes de cada lado do corpo, proeminências dos arcos costais no dorso, curvatura acentuada na Coluna Lombar ou na Torácica ou presença de escoliose, que é o desvio lateral da coluna à direita ou esquerda.​

Tipos de deformidades:​

Congênitas: malformações desde o nascimento

Pós-traumática: devido a fraturas, cirurgias mal realizadas ou outros traumas

Degenerativas: causadas pelo desgaste da coluna

Neuromusculares: secundárias a alterações neurológicas e/ou musculares levando a desequilíbrio

Secundárias: devido a outras alterações como Siringomielia

Posturais: por simples vícios de postura

Idiopáticas: quando não há causa identificável.​​

O tratamento deve ser feito o quanto antes:​

Existe a idade certa para fazer o melhor tratamento possível, possibilitando assim minimizar a progressão e os danos causados e reduzindo as chances de necessitar de uma intervenção cirúrgica.

As deformidades em Escoliose e em Cifose são as mais comuns, e que podem piorar muito em um curto período, levando a danos irreversíveis. Devido à alta complexidade, na suspeita de deformidades da coluna, deve-se procurar logo um médico especialista habilitado, que irá realizar o diagnóstico e indicar o melhor plano de tratamento.